O grupo de medicina diagnóstica Fleury alertou clientes na tarde desta terça-feira (22) que foi alvo de uma tentativa de ataque cibernético e que seus sistemas ficaram indisponíveis.

A empresa diz que todos os recursos técnicos estão sendo dedicados ao reestabelecimento da operação.

“As causas dessa indisponibilidade foram originadas a partir da tentativa de ataque externo aos nossos sistemas, que estão tendo suas operações restabelecidas com todos os recursos e esforços técnicos para a rápida normalização dos nossos serviços”, comunicou em seu site no início da tarde.

Com a vigência da Lei Geral de Proteção de Dados, empresas que passam por incidentes de segurança que envolvam o vazamento de dados pessoais devem comunicar os titulares.

Procurada, a empresa não respondeu se o ataque comprometeu informações pessoais. Dados de saúde são considerados sensíveis pela legislação, o que significa que devem ter a proteção de privacidade reforçada. As multas por esse tipo de incidente podem chegar a R$ 50 milhões, mas só passam a valer a partir de agosto.

Algumas páginas do site da empresa, como a que apresenta resultado de exames, não estavam disponíveis por volta das 15h30. Os laboratórios do Fleury realizam testes de Covid-19.

Relatórios de cibersegurança internacionais têm mostrado que ataques do tipo ransomware, em que criminosos sequestram dados de empresas e cobram por resgate para não publicá-los na internet, aumentaram durante a Covid, em especial a empresas de saúde.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original